Como cultivar Salsinha em vaso: dicas simples e econômicas

Você pode ter uma horta em poucos passos!

0

Hoje, 18 de abril, em Belo Horizonte, nós da Casa e Jardim, da Agrorural.net, vamos te explicar de um jeito super simples e prático como cultivar Salsinha em vaso. Você sabia que é muito mais fácil do que você imagina e, em poucos minutos, você pode começar a sua tão sonhada horta? É isso que nós iremos te mostrar hoje.

A salsinha, juntamente com outros temperinhos, configuram o famoso cheiro verde! Utilizado bastante em comidas para temperar ou apenas enfeitar, ela é uma ótima ideia para se ter de forma acessível, principalmente se você for iniciante. Por isso, sem mais enrolações, descubra abaixo os passos mais tranquilos da internet!

Leia mais: Como cultivar tomate cereja gastando pouco: essas dicas de ouro você só encontra…

Como cultivar Salsinha em vaso: dicas simples e econômicas
Como cultivar Salsinha em vaso: dicas simples e econômicas – Pexels

Cultivar Salsinha em vaso, por onde começar?

Em primeiro lugar, não é segredo para ninguém que o sabor que a salsinha traz para um prato é o que a torna tão procurada. Em todos os lugares, seja nas feiras, supermercados ou hortas caseiras, ela estará lá, como se fosse uma parte obrigatória. Assim, como já foi dito, ao se juntar com a cebolinha, ela forma o cheiro verde tão como. Portanto, veja abaixo como cultivar Salsinha em vaso.

Saiba o passo a passo

Local e quantidade

Nesse sentido, com relação à quantidade, apenas 3 sementes por cova é mais do que suficiente! Assim, com uma profundidade de 3 cm, coloque as sementes e mantenha o solo úmido. Sem a necessidade de um local muito grande, um vaso médio, com uma boa drenagem, já é suficiente para que você comece a cultivar Salsinha em vaso.

Qual o melhor ambiente?

Dessa forma, o melhor local é um ambiente bem iluminado, com bastante Sol. No entanto, na época em que os primeiro brotos estiverem aparecendo, você deve ter mais cuidado, pois eles são sensíveis e o Sol pode atrapalhar o pleno desenvolvimento deles, certo? Ademais, apesar de gostar muito de luz, se as folhas começarem a ficar secas, invista em mais água.

Cultivar Salsinha em vaso: adubação

Sendo assim, a adubação que é mais recomendada para cultivar Salsinha em vaso é o húmus de minhoca, a matéria orgânica. Contudo, você pode optar por produtos inorgânicos, como o famoso NPK. Depois que a adubação estiver completa, renove a cada 3 meses em média.

Cuidados

Por fim, deixe sempre o substrato úmido, livre de ervas daninhas, bem drenado e com uma atenção muito grande com relação aos bichinhos. A salsinha é muito comum de ter lagartas que comem as folhas. Assim, sempre passe um remédio que as elimine e fique de olho para não prejudicar o cultivo.

Viu só? Você pode, a qualquer momento, começar a cultivar Salsinha em vaso. Nos conte nos comentários se você já tem em casa ou gostaria de ter!

Continue lendo: Como plantar semente de mamão com essa técnica exclusiva

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.