Descubra neste conteúdo exclusivo como cultivar Afelandra-Coral

Não perca as diquinhas de ouro!

0

Talvez você nunca tenha escutado falar sobre esta plantinha linda, de cores vibrantes e que se organiza em forma de arbusto, mas, depois que você conhecer melhor, vai querer saber como cultivar Afelandra-Coral e, também, os cuidados necessários para mantê-la sempre impecável.

Por isso, hoje, 20 de junho, em Belo Horizonte, nós da Agro e Jardim, da Agrorural.net, vamos te ajudar a deixar o seu jardim e a sua casa com uma vista deslumbrante e, o melhor, de um jeito super prático, fácil e que não irá te trazer nenhuma dor de cabeça. Assim, se eu fosse você, já ficava ligadinho! Bora nessa?

Leia mais: Saiba como plantar pimenta Jalapeño, com essas dicas fica fácil

Descubra neste conteúdo exclusivo como cultivar Afelandra-Coral
Descubra neste conteúdo exclusivo como cultivar Afelandra-Coral – Canva Pro

Como cultivar Afelandra-Coral

Em primeiro lugar, para cultivar Afelandra-Coral, saiba que ela não cresce muito, o que é bom para quem quer algo bonito, mas fácil de plantar. Suas hastes chegam aos 15 cm, o que é um tamanho considerado bom. No entanto, por se organizar em arbustos, pode ser que o volume te impressione, então sempre deixe um espaço considerável de dimensão para o plantio.

Agora, indo para o plantio, este pode ser feito por estaquia ou sementes. Como sempre falamos aqui, as estaquias possuem maior precisão de resultados garantidos. Portanto, se você quiser ir por ela, retire um galho de uma planta adulta durante o verão e faça a plantação em solo úmido, mas que seja bem drenado, e fértil – nosso queridinho húmus de minhoca -.

Uma dica muito boa é que, nestes casos de enraizamento, utilizar fertilizantes com NPK podem ser bons para que o cultivo da sua plantinha vingue. No caso das sementes, basta que você faça covas de até 5 cm de profundidade e coloque de 2 a 3 sementes por cova.

Quais os cuidados com Afelandra-Coral?

Por fim, após entender este ciclo básico de como cultivar Afelandra-Coral, vamos para os cuidado e manutenções que você deve ter para que o seu empreendimento seja de sucesso. Um dos pontos é com relação às podas. Estas podem ser feitas a primeira vez na primeira primavera da plantinha, após ter se tornado adulta. Desse modo, lembre-se de que é uma poda apenas para manter o padrão de um crescimento guiado, então fique atento para os galhos que irá cortar.

Evite podas no verão, para que os brotos não fiquem expostos em um Sol pleno. Falando em luminosidade, saiba que a Afelandra-Coral gosta de um bom calorzinho ou uma meia-sombra, não tolerando muito bem os ventos e temperaturas baixas.

Além disso, as regas devem ser feitas de forma regular, mas sempre fazendo o teste com o dedo para verificar como o solo está, visto que a plantinha não suporta que suas raízes fiquem encharcadas. Viu só? Em poucos minutos de leitura você aprender como cultivar Afelandra-Coral de um jeito fácil e que, com toda certeza, deixará sua decoração ainda mais linda. Você já conhecia essa planta? Nos conte nos comentários!

Continue lendo: Já ouviu falar do ruibarbo? Saiba dos benefícios e como cultivar

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.