Confira quais são as 7 suculentas para ambientes internos

Escolha suas favoritas e dê um up no seu ambiente!

0

Hoje, 26 de abril, em Taubaté, nós da Agro e Jardim, da Agrorural.net, vamos te mostrar algumas suculentas para ambientes internos que você pode ter caso não tenha espaços com Sol direto. Portanto, se você é fã dessas plantinhas fascinantes, continue nos acompanhando e não perca as dicas!

A princípio, a suculenta é uma planta que precisa de muita luz direta e pouca água, devido ao seu habitat natural: embora sejam diferentes umas das outras, elas costumam crescer em climas áridos. Dessa forma, a maioria não sobrevive sem iluminação direta, mas existem algumas que se dão bem. Confira logo abaixo!

Leia mais: Como acabar com pulgão da horta? Veja o tipo de manejo ideal

suculentas para ambientes internos
Confira a lista completa de suculentas para ambientes internos | Canva

Confira a lista completa de suculentas para ambientes internos

Como explicamos acima, essas plantinhas necessitam de muito Sol e poucas regas. Entretanto, algumas delas conseguem sobreviver em ambientes internos e, para saber quais são, basta observar alguns pontos simples:

  • Ter coloração verde-escuro significa que ela se da melhor em ambientes de sombra e iluminação indireta;
  • Ademais, as de aspecto mais rígido também se dão melhor nesses ambientes;
  • Os cactos, que são suculentas, também conseguem sobreviver em ambientes sem luz direta.

Além disso, é importante frisar que, embora esses tipos prefiram ambientes de sombra, é importante que sejam iluminados. Isso quer dizer que não é bom cultivá-las em locais fechados, que estão sempre escuros. Outrossim, as seguintes listadas não devem ter contato com o Sol diretamente, pois não se desenvolverão nem irão florir adequadamente.

Afinal, quais são elas?

Dessa forma, alguns exemplos dessas plantinhas são mais comuns do que se pensa. Portanto, você pode escolher as que preferir, de acordo com seu gosto pessoal:

  1. Aloe Aristata: é um tipo de Aloe (semelhante à aloe vera, famosa babosa) com aspecto rígido e cor escura;
  2. Haworthia Fasciata: semelhante a anterior, tem coloração escura e aspecto rígido. Entretanto, se enquadra na lista de suculentas raras, o que pode ser interessante para quem gosta de colecioná-las;
  3. Euphorbia trigona: as Euphorbias são plantas muito semelhantes aos cactos, às vezes até se confundem. Contudo, trata-se de plantas diferentes, mas que também se dão bem em ambientes internos;
  4. Galáxia Euphorbia: outro tipo de Euphorbia, mas que tem um padrão de folhas bem diferente das outras, é muito bonita e chamativa;
  5. Capuz de Monge: tipo de cacto que se enquadra na descrição exigida, com cor forte e aspecto duro, além de um padrão de folhas diferente;
  6. Mil cores: um cacto, como diz o nome, super colorido e com um padrão de crescimento diferente;
  7. Cacto-macarrão: por fim, um tipo de planta pendente para quem gosta das que crescem mais, como as samambaias.

E aí, qual dessas suculentas para ambientes internos é sua favorita? Comente aí embaixo!

Leia mais: Como fazer para cultivar margarida e deixar seu quintal mais acolhedor com as flores, confira

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.