Você conhece a planta fantasma? Saiba como cuidar e cultivar

Inove no seu jardim ao ter esta espécie!

0

Uma plantinha que está dando o que falar é a planta fantasma. Ela é nativa do México, mas está fazendo o maior sucesso aqui no Brasil, você a conhece? Para os amantes das suculentas, ela é a opção perfeita! Você verá mais adianta como cultivá-la e, também, como cuidar. Verá que não é difícil e pode começar as plantações hoje mesmo, acredita?

Por isso, hoje, 23 de agosto, em Belo Horizonte, nós, da Agro e Jardim, da Agrorural.net, vamos te orientar melhor nestes cuidados para que, algo que já é fácil, fique ainda mais simplificado. Portanto, se eu fosse você, já começava agora a ler o nosso conteúdo exclusivo e ficar por dentro dos detalhes. Bora lá?

Leia mais: Revelamos o segredo de como deixar sua Tulipeira saudável

Você conhece a planta fantasma? Saiba como cuidar e cultivar
Você conhece a planta fantasma? Saiba como cuidar e cultivar – Imagem: Canva Pro

Como cultivar a planta fantasma?

Desse modo, para cultivar esta plantinha, basta ter um vaso ou canteiro e colocar a muda bem ao centro, enterrando somente o torrão da planta. Os cuidados você aprenderá logo abaixo. Todavia, o que vamos ensinar aqui é a fazer mudas da planta fantasma, pois, assim, ninguém vai te parar mais, já que esta dica serve para todas as suculentas.

Portanto, em cada local que uma nova folha sai da planta, nós chamamos de nó. Com isso, para fazer a muda, conte uns 3 nós e faça um corte, reunindo neste corte delicado as raízes também. Prontinho. A partir dessa incisão, você tem uma muda que, se bem cuidada, poderá gerar uma nova planta adulta!

Nesse sentido, para cuidar da planta fantasma, o primeiro tópico importante tem a ver com a luminosidade. Nunca a deixe em sombra plena, pois ela precisa de sol ou, pelo menos, uma meia-sombra. Junto a isto, sempre certifique-se de que o solo está bem adubado com matéria orgânico. Pode ser a farinha de osso, húmus de minhoca ou o nosso adubo que ensinamos nesta matéria, basta clicar!

Como qualquer boa suculenta, deve ser irrigada apenas quando o solo estiver bem seco. No inverno, as regas são ainda mais diminuídas, mas isso não significa que ela não precisa de água, então fique de olho sempre. O solo deve ser bem drenado, não tolerando raízes encharcadas! Fora isso, o cuidado é extremamente básico, como qualquer outra suculenta. Se perceber que as folhas estão murchas, pode ser falta de água e sol.

Pronto! Agora que você conheceu a planta fantasma, que tal começar a plantação? Além disso, se você conhece alguma espécie que é rara, coloque aí nos comentários, quem sabe nós não trazemos um post exclusivo para você entender melhor sobre o tipo citado? Enquanto isso, clique no link abaixo e fique por dentro das outras matérias que nós separamos para você.

Continue lendo: Como cultivar Vanda em casa com essas dicas exclusivas e grátis

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.